Carta Celeste

Muitas das leis da Natureza são tão simples que a maioria das criaturas não lhes dão a menor atenção. - Henrique José de Souza

Artigo de Cor:  Amarelo e Azul Amarelo e Azul
Tópico: Poesiando - Subtópico: Rebelando-se com o silêncio

TAO

Publicado em 05/08/2012 21:30 e Atualizado em: 05/08/2012 21:32

Subi com dificuldade a montanha, suando muito e desacreditando chegar.


Passei pelo silêncio e desci, vi a floresta de todo mundo, dando mão, pata, raiz, galho e folha e um "muito obrigado" um para o outro, até o que não prestasse e fedesse
ajudava e agradeciam e ninguém passava fome, todo mundo feliz igual.


Lá de dentro ouvi o barulhinho da água brincando e quis brincar também, entrei no rio que na sua doçura, olhar verde, me chamava rindo com graça. Mas o rio é a força do vazio, e quando vi já estava perdido na sua mão, sem saber onde, só que fui bem pra longe, bem pra lá de onde ainda queria estar.


Quando tudo parou de rodar, e aquele vazio todo rio já tinha cansado de brincar, já era noite, e eu deitado largado via o céu, e lá as estrelas cintilando gota por gota daquele orvalho faiscavam luz que era igual flecha, e eu querendo muito alcançar o olhar delas é que o rumo desta vida vi, e aí levantei e andei.


Foi onde peguei a estrada, que estava toda azulada, noite enluarada, ensinando como é doce a loucura livre da madrugada, que mata rápido e seca tudo já de manhã.


Mas a manhã só chegou depois que o caminho da lua já era mar, serpente de prata, cabelo de Iemanjá, querendo me acolher, me amar e me matar, sedenta de me fazer viver e sufocar, mostrando que não tem lugar nenhum, depois de chegar.


Quando o sol abriu, o mar todo era areia, sal e ar, e suas ondas só pó flutuando no tempo, e ali mesmo vi a verdade, que era poeira só e vento.
O deserto me libertou e me deu a chance de existir mais um pouco.


E então você chegou. E quando vê, me vi.

Imprimir Enviar por E-mail


Deixe seu Comentário


202772


Comentários

Nome: Marcelle

Comentado em: 14/01/2014 11:43

Lindo !

 

Seja livre: use Linux! E não deixe de instalar o navegador FIREFOX, um excelente meio de se ter uma nova experiência em suas "viagens web"!!!

Este site é melhor visualizado com resolução: 1024 x 768px ou superior e para perfeita exibição visual em: 1280 x 1024px. Experimente um atalho: ctrl++ para dar um zoom no site todo ou um ctrl +- para o inverso.