Carta Celeste

O verdadeiro discípulo é aquele que não procura ver os defeitos alheios, mas os seus próprios. - Henrique José de Souza

Artigo de Cor:  Amarelo e Vermelho Amarelo e Vermelho
Tópico: Eubiose - Voz do Universo ecoando - Subtópico: Rituais

RITUAIS AGARTHINOS E SHAMÂNICOS

Publicado em 20/07/2011 13:39 e Atualizado em: 20/07/2011 13:47

Os rituais ensinados pelo Mestre JHS são derivações do que ele revela serem os realizados na Agartha e em Duat, mundos interiores da Terra.

 

São rituais que não escondem sua origem na Atlântida da Sinarquia Divina, os bons tempos daquele ciclo evolutivo, antes de sua degeneração nas lutas pelo poder infinitas que duram até hoje e que geraram toda sorte de dogmas, doutrinações e idolatrias, pseudo-religiosidades contidas no círculo negro da escravidão mental e psíquica.

 

Na face da Terra, estes bons ritos da Atlântida mantiveram o equilíbrio do planeta por milênios, e formam a base do shamanismo que se encontra ainda hoje presente no mundo inteiro em diversas tradições, tais como o budismo, os ritos pagãos da Europa e indígenas das Américas.

 

Normalmente, vamos encontrar aí uma ritualística criativa e cheia de espontaneidade, aberta às manifestações divinas diretas e bastante distante das cerimônias solenemente hierarquizadas e rigidamente conformadas a um poder instituído.

 

Rituais shamânicos são sempre gerados por uma revelação pessoal. E revelações assim ocorrem todos os dias com todos nós, bastando estarmos atentos aos sinais externos e internos para podermos notar o que está havendo.

 

São revelações grandiosas, que envolvem nosso destino ou da própria humanidade, mas também podem ser singelas como as que apenas nos seduzem a entrarmos, num certo momento, em um estado de consciência meditativo.

 

Mas muitas vezes destas singelas meditações é que surgem as grandes revelações pessoais e até as de repercussão geral, relativas ao centro da vida planetária.

 

O importante é estarmos atentos a nós mesmos e aos sinais de nossas vidas, formados em geral por aquelas pequenas coincidências que nos conduzem ao nosso destino. Nosso corpo vibra de uma forma diferente, nossa mente se abre a rumos desconhecidos – que muitas vezes até geram receio e temores – e nossa alma se liberta de antigas mesquinharias e círculos viciosos de culpa e auto-opressão.

 

Dentro deste tema, preparei uma série de pequenos poemas, relacionados aos momentos que considero mais marcantes na dinâmica de meus rituais, e que espero instiguem o pensamento e a reflexão de todos.

 

A este conjunto de poemas e imagens relacionadas dei o nome de círculo mágico.

 

Boa leitura a todos.

 

 

 

Imprimir Enviar por E-mail


Deixe seu Comentário


137429


Comentários

Nome: Thyanna Pessoa

Comentado em: 20/06/2012 22:13

Excelente matéria. Descrita de modo simples, mas objetiva. Gostaria de ler sobre os arcanos e, como estamos em junho, sugiro que se escreva também sobre os rituais de 24 de junho. O significado de cada simbologia ao redor da fogueira.

 

Nome: Gábner Guimarães Alves

Comentado em: 30/07/2011 13:19

Corrigindo: O shamanismo é parte importante do conhecimento iniciático, e é menosprezado por muitos eubiótas... lamentável. Na verdade temem... acham que irão retroceder, parece que não confiam em Agartha... Grande abraço! AT NIAT NIATAT P.A.X.

 

Nome: Gábner Guimarães Alves

Comentado em: 29/07/2011 19:53

O shamanismo é parte importante do conhecimento iniciático, e é menosprezado por muiots eubiótas... lamentável. P.A.X.

Reposta

Talvez seja mesmo, por alguns pseudo-eubiótas. Mas JHS falou muito, e muito bem, sobre o shamanismo. Na verdade, quem como ele, veio do centro da Terra, está justamente no centro de todas as práticas espirituais da face da Terra. Ou seja, em todas as religiões está e a todas compreende profundamente, pois vem da cultura (hoje ainda perdida) que gerou a todas.

 

Seja livre: use Linux! E não deixe de instalar o navegador FIREFOX, um excelente meio de se ter uma nova experiência em suas "viagens web"!!!

Este site é melhor visualizado com resolução: 1024 x 768px ou superior e para perfeita exibição visual em: 1280 x 1024px. Experimente um atalho: ctrl++ para dar um zoom no site todo ou um ctrl +- para o inverso.